Propagação da Covid-19 em ritmo acelerado no país

Postado por:

O registo de 165 novos casos de Covid-19 na última semana epidemiológica, contra os 76 do período homólogo e o aumento da taxa de positividade, que passou de 3.28 para 5.26%, constituem os principais sinais de que a pandemia está a se propagar de forma rápida e significativa pelo país.

Segundo as autoridades da Saúde, a situação exige o redobrar de esforços na prevenção, por parte de toda a sociedade, numa altura em que a janela de esperança para evitar a transmissão comunitária no país ficou mais pequena.

A análise da situação epidemiológica apresentada pelo director-adjunto do Instituto Nacional de Saúde (INS), Eduardo Samo Gudo apontou que a pandemia está a um ritmo de aceleração de propagação, próximo dos vizinhos como Zâmbia, Malawi e Madagáscar e coloca-se num ritmo mais acelerado que a Namíbia – com 9.8% por milhão de habitantes, Tanzânia – com 8.5% e Angola com apenas 2.6%.

(Jornal Notícias, de 08 de Junho. Pag:6)

0

Deixar uma resposta