INAE encerra estabelecimentos comerciais que operam clandestinamente na cidade de Maputo

Postado por:

Na sequência da fiscalização aos operadores económicos sobre o cumprimento do decreto do estado de emergência, em colaboração com a Polícia da República de Moçambique (PRM), o INAE procedeu a apreensão de produtos e encerramento de estabelecimentos encontrados a funcionar clandestinamente, comercializando bebidas alcoólicas e recebendo cliantes no interior, violando dessa forma o decreto presidencial.

(Primeiro Jornal, Stv – 13h09)

0

Deixar uma resposta